Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2013

Por que os programas midiáticos policiais ou violentos contam com muitos telespectadores?

“Toda a humanidade antiga está cheia do respeito ‘Ao espectador’, porque este mundo estava feito para os olhos e não podia conceber-se a felicidade sem espetáculos e sem festas. Até o grande castigo, repito, era uma festa” (Nietzsche, A genealogia da moral, p. 68). Por que o castigo era (na pré-história) e ainda hoje é uma festa? Porque ele retrata uma vingança, que é prazerosa. O cérebro humano está sempre predisposto (programado) para três coisas: sobrevivência (busca por alimentos), procriação (sexo) e diversão (jogos e o prazer da vingança).
Muita gente, para não dizer a quase totalidade dos telespectadores, adora ver programas midiáticos policias (às vezes policialescos) ou violentos não para ver sangue, não para, no final, se sentir aliviado porque toda aquela desgraça não aconteceu com ele. Não é nada disso ou não é somente isso. Por quê, então? Para ver se, no final, o culpado vai ser devidamente punido e qual vai ser o castigo. A relação culpa-castigo é muito a…

Sensacionalismo não ajuda no controle do crime

LUIZ FLÁVIO GOMES (@professorLFG)*
É bem verdade que o Brasil é o 20º país mais homicida do mundo (27,3 mortes a cada 100 mil habitantes), palco de verdadeira epidemia de violência (já que possui taxa superior a 10 mortes por 100 mil habitantes, conforme determina a OMS – Organização Mundial de Saúde), sinônimo de um país truculento, não pacífico. É bem verdade que das unidades federativas, São Paulo vivencia uma onda de ataques, mortes, embates, extermínio, esquadrões da morte, violência em demasia. Há uma verdadeira crise na política de segurança pública. Tudo isso é verdade. Porém, temos que tomar cuidado com alguns sensacionalismos. Um exemplo: a matéria veiculada (22.11.12) no Jornal o Estado de São Paulo.
Tomando por base os dados da Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo, o jornal anunciou que os casos de homicídios aumentaram 92% na capital ante outubro de 2011, passando de 78 para 150 (em outubro 2012). Ou seja, foram comparados números de homicídi…

Historiadores apresentam relatório sobre massacres nazistas na Itália

Imagem
Entre 1943 e 1945, milhares de italianos morreram em massacres comandados pela Wehrmacht e a SS nazista. Uma comissão de historiadores ítalo-alemães apresentou um relatório sobre os crimes cometidos. O relatório final da comissão de historiadores italianos e alemães sobre os massacres da Wehrmacht e da SS (organização policial-militar do partido nazista) na Itália, apresentado nesta quarta-feira (19/12) em Roma, abriu velhas feridas. Documentados estão 5 mil casos de saques, estupros e assassinatos pelas tropas nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. O italiano Elide Ruggeri, que sobreviveu milagrosamente a um massacre da SS em 29 de setembro de 1944 em Marzabotto, nas montanhas ao sul de Bologna, recorda: "Eu estava lá e veio um da SS, que matou uma menina. Ela estava com a cabeça esmagada e gemia. Ele deu um golpe nela e eu pensei: o próximo vai ser para mim. Ele me fixou com o olhar, e aí disse: 'Niente kaputt'. Assim, ele deu a entender que não ia me …

______ Especial Dia da Consciência Negra

Imagem
http://www.youtube.com/embed/5iHH-rMDPBg
http://www.youtube.com/embed/5iHH-rMDPBg

Doc: Como Eram Mortas as Bruxas e Hereges (Completo e Dublado)

Imagem

Mini história da educação no Brasil

Imagem

Doc: Curiosidade - De Onde Vieram os Humanos (Completo e Dublado)

Imagem